Monday, April 17, 2006

ALMAS CONSELHEIRAS

"Mulheres em cânticos
Pedem proteção

Homens em armas
Espingarda, enxada, facão

A vila de outrora, ruínas de hoje
Os morros, onde ainda morrem
E sempre morrerão
Almas conselheiras

Até o dia em que o sertão virar mar
E o mar virar sertão."

(Gustavo Adonias)

1 comment:

PsychoPenguin said...

Nunca vi tanto clichê. Parece o mala do Euclides da Cunha, só que em não-prosa.